sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Real Madrid 3x0 Ajax... Foi fantástico!


Vocês podem até me julgar, dizer que estou exagerando, mas ver um jogo do Real Madrid no Santiago Bernabéu, um jogo da Champions League, era um sonho para mim. Você pode até rir, mas eu nem me importo, afinal, realizei um sonho e isso ninguém tira de mim. A melhor coisa dos sonhos é poder realizá-los, não acham?! Enfim...

Apreciando a vista antes de começar...

Eu estava lá, entrei no estádio e o vi se enchendo aos poucos, até que 75.500 pessoas lotaram o Bernabéu para ver um espetáculo, não apenas um jogo de futebol. A parte boa é que, apesar de estar muito feliz, ansioso, "nervoso" e não acreditando que estava lá, consegui me controlar e não ter um AVC ou uma parada cardíaca durante o jogo entre Real Madrid e Ajax, hehehe.

Nem preciso dizer que foi sensacional, uma experiência fantástica e única. Foi também a primeira vez que fui ao estádio nesse ano de 2011, com grande estilo =D... Continuo sendo "pé-quente", já que nunca vi meu time perder no estádio, com o Real Madrid não foi diferente.

Mas, antes do jogo começar, a famosa "Opera" da Champions League. É de arrepiar. De verdade. Se você não conhece, veja o vídeo abaixo com a versão completa do Hino da UEFA Champions League:


O jogo começou um pouco nervoso, com o Ajax chegando com perigo e assustando a multidão que lá estava para apoiar o Real Madrid. Mas essa pressão durou pouco tempo. A partir dos 15 minutos os "Blancos" dominaram o campo de jogo. Não demorou para sair o primeiro gol, de Cristiano Ronaldo, aos 20 minutos do primeiro tempo, em uma belíssima jogada que vale a pena ser vista várias vezes.

E parece que o Kaká finalmente desencantou no Real Madrid, jogou uma barbaridade contra o Ajax e fez o segundo gol, mais que merecido, aos 41 minutos da primeira etapa, depois de passe de Cristiano Ronaldo. E o terceiro gol também saiu depois de assistência de Kaká a Benzema, que só teve o trabalho de mandar para as redes aos 4 minutos do segundo tempo. A galera aplaudindo quase o tempo todo, cantando, gritando, xingando o juiz, foi sensacional. Estádio de futebol é sempre assim, uma energia contagiante. Só dá vontade de ir cada vez mais...
E Iker Casillas, meu jogador preferido do Real Madrid, foi acionado logo aos 50 segundos da primeira etapa e fez uma defesa incrível. Ao longo do jogo não foi muito solicitado, mas no segundo tempo fez jus ao apelido de "San Iker" (Santo Iker) e salvou o que seria o primeiro gol dos holandeses com uma defesaça fenomenal à queima-roupa (o pleonasmo aqui pode ser usado e é mais que necessário, vocês vão ver a razão no vídeo abaixo). Me pareceu que os torcedores vibraram mais com essa defesa de Casillas do que com os gols. Bom, eu comemorei como se tivesse sido o quarto gol...


Poderia escrever muito aqui sobre a atmosfera da partida, das emoções que senti lá dentro durante todo o jogo, descrever jogadas e mais jogadas, mas acho que não conseguiria me expressar bem. É fantástico. Com o perdão da palavra, FOI SIMPLESMENTE DO C*RALHO!

Los sueños se hacen realidad ...

Um comentário:

Blogger disse...

É, dá para sentir esta emoção nas tuas palavras. Realmente foi um jogaço. Muito bem, agora vamos para a próxima. Muito legal o seu relato. Ficamos esperando por mais. Estamos contentes também com este sonho realizado.